VILA VERDE

VILA VERDE -

Escola Secundária realizou Conselho Eco-Escolas e assinou Compromisso Verde da Juventude

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Escola Secundária de Vila Verde realizou-se o 2º Conselho Eco-Escolas e a cerimónia de assinatura do Compromisso Verde da Juventude, tendo em conta as comemorações do Dia Mundial do Ambiente.

Segundo a escola, «deste modo cumpriu-se um dos passos fundamentais para a coordenação do Programa Eco-Escolas, dando a conhecer a todos a monitorização e o progresso das actividades propostas no plano de acção do mesmo, para o ano lectivo em curso».

PUBLICIDADE

O “Compromisso Verde” da Juventude resulta de um desafio do Ministério da Educação ao Conselho Nacional de Juventude (CNJ) e à Federação Nacional das Associações Juvenis (FNAJ) para a elaboração de um Compromisso Verde da Juventude, centrado nos temas da sustentabilidade ambiental e da acção climática.

«A Escola Secundária de Vila Verde prontamente aceitou este desafio, pois reconhece que o planeta precisa de respostas que passem pela alteração dos hábitos individuais e colectivos e de medidas políticas que visem a preservação», refere.

Na ocasião, o director, João Graça, apelou à mobilização dos alunos, para concretizar a mudança, considerando que «os jovens têm um papel insubstituível enquanto força propulsora da acção para enfrentar os desafios criados pelas alterações climáticas».

«A nossa Escola comprometeu-se a envolver toda a comunidade educativa na procura activa de soluções para cumprir o “Compromisso Verde”, que foi assinado por todos os delegados de turma e que resultou de uma auscultação da comunidade discente do Secundário, reflectindo as preocupações mais emergentes para reverter a crise ambiental que vivemos», frisa.

Após o Conselho Eco-Escolas, um conjunto de alunas procedeu, em cooperação com o director e as professoras responsáveis pelo Clube Eco-Escolas, à recolha de todo o lixo produzido nas salas de aulas e espaços comuns da escola.

De seguida, os alunos e os professores separaram os lixos que depois foram devidamente acondicionados, mas não sem antes serem observados pela restante comunidade educativa, para que todos tenham noção do que ainda está por fazer ao nível da separação de resíduos.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.