VILA VERDE –

VILA VERDE – -

Ex-sócios na Diviminho absolvidos de crime fiscal

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Absolvidos. Foi esta a decisão do Tribunal Judicial de Braga face à acusação de fraude fiscal qualificada que impendia sobre os empresários Mário Barbosa e António Sá, antigos sócios na empresa vilaverdense Diviminho.

A acusação dizia que a suposta fraude teria sido praticada no Algarve, com fuga a impostos na construção de uma moradia em Vale do Lobo. Ao todo, cerca de 630 mil euros.

PUBLICIDADE

Ora, o colectivo de juízes, depois de ouvidos vários peritos, entre eles os da Autoridade Tributária, bem como face aos documentos e relatórios apresentados no processo, entendeu que não tinha havido qualquer fuga aos impostos, nomeadamente através de uma declaração incorrecta do IRC (Imposto sobre o Rendimento Colectável) que se aplica às empresas.

Foi, assim, considerada totalmente improcedente a suspeita de fuga e os dois empresários – que entretanto se separaram ficando cada um com a sua própria empresa – ilibados, sem margem para dúvida.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.