CRIME

CRIME -

Fingiu ser advogada e lesou “cliente” em seis mil euros

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Uma mulher, de 61 anos, está indiciada pelos crimes de burla, abuso de confiança e procuradoria ilícita, por se ter feito passar por advogada, em Vizela, lesando um suposto cliente em seis mil euros.

Em comunicado, a GNR explica que a mulher, que já trabalhou num escritório de advocacia, conseguiu enganar um homem, a quem pediu seis mil euros, valor correspondente ao pagamento para a defesa em três processos crime.

PUBLICIDADE

Na sequência do processo, que teve início há cerca de nove meses, tendo por base a denúncia da vítima, foram realizadas duas buscas, uma domiciliária e uma em viatura, que permitiram apreender documentos relacionados com os crimes em investigação.

A suspeita foi constituída arguida e sujeita à medida de coacção de termo de identidade e residência.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS