DESPORTO - Jogadoras do futebol feminino do SC Braga recebidas por centenas de pessoas na Praça do Município

DESPORTO -
Jogadoras do futebol feminino do SC Braga recebidas por centenas de pessoas na Praça do Município

A equipa de futebol feminino do Sporting Clube de Braga foi esta tarde recebida em clima de festa na Praça do Município, com centenas de adeptos a mostrarem o seu contentamento com a conquista obtida este domingo na Supertaça de Portugal. O jogo foi disputado em Viseu frente ao Sporting Clube de Portugal, culminando na vitória das “Guerreiras”, no desempate por grandes penalidades.

Miguel Santos, treinador das Guerreiras do Minho, revelou que o segredo da vitória esteve «em ter iniciado a pré-época com tempo, integrando toda a gente. Depois foi trabalhar com muito rigor e empenho e fazer as jogadoras acreditar que o passado não conta. O que conta é o presente».

Face à importância da conquista, Miguel Santos considerou que esta vem dar «mais status ao projeto».

PUBLICIDADE

«Acima de tudo faltava um título, para que as pessoas começassem a olhar para este projecto de outra maneira. As pessoas começam a ter noção que estas coisas têm um grande impacto e futebol é futebol. Não tem a ver com géneros mas com o jogo em si. Esta Supertaça tem um grande impacto para o clube, para as pessoas e para a cidade».

Por seu lado, o Presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, afirmou que este «é um dia especial para Braga e para o Sporting Clube de Braga. Julgo que é o testemunho de que vale a pena correr riscos e vale a pena apostar em fazer diferente. Aquilo que o Sporting de Braga fez quando começou a apostar no feminino, trilhando um caminho de muito sucesso, consolidado e de crescimento, não foi coroado mais cedo como desejávamos, como tantas vezes esteve à beira de acontecer. Finalmente, essa conquista chegou e eu julgo que vai ser a rampa de lançamento para muitos outros êxitos no futuro».

O Presidente do Sporting Clube de Braga, António Salvador, abordou esta conquista das Guerreiras como sendo «um dia feliz para o clube, para a cidade e para os adeptos».

«O projecto é uma aposta desde a primeira hora. Sempre estivemos na linha da frente com outro grande clube e por infelicidade não tinhamos conseguido conquistar títulos nos últimos dois anos», concluiu.