VILA VERDE -
“LETRA Harvest Fest” contou com mais de 4500 pessoas durante os três dias de festival

O LETRA Harvest Fest decorreu no passado fim-de-semana, dias 13, 14 e 15 de Setembro, em Vila Verde, com inúmeras actividades ligadas à cerveja artesanal, gastronomia e música. Segundo a organização, a cargo da “Fermentum” (detentora da marca Cerveja Letra), foram registadas cerca de 250 dormidas durante os 2 principais dias do evento e a passagem de mais de 4500 pessoas durante todo o festival.

«MODELO DO FESTIVAL FUNCIONOU A 100%»

Em nota enviada, o sócio fundador da Letra, Francisco Pereira, refere que «o modelo do festival funcionou a 100% e os objectivos estipulados cumpridos: desde a parte pedagógica e dinamização do cultivo do lúpulo à parte da promoção da cerveja artesanal portuguesa, pois os visitantes puderam conhecer 6 marcas de cerveja artesanal (além da Letra) de diferentes partes do país».

PUBLICIDADE

Francisco Pereira acrescenta ainda que «outro dos principais objectivos era envolver a comunidade local com o evento e a interligação de diferentes entidades sejam elas públicas ou de carácter privado», pois desta forma acredita que «Vila Verde tem agora uma excelente oportunidade para diferenciar o seu leque de eventos anuais ajudando a promover ainda mais este festival como motivo de atracção de pessoas à vila».

«ESFORÇO DA EQUIPA E PROGRAMA 360º»

Quanto aos argumentos de sucesso do festival, Filipe Macieira, também ele sócio fundador da Letra, apontou que se deve «ao esforço de equipa e a apresentação de uma programação 360º envolvendo diversas entidades locais no Harvest».

Este foi o primeiro ano que a organização realizou actividades fora da área circundante à fábrica da cerveja, com o objectivo de mostrar outros locais do concelho de Vila Verde.

Filipe Macieira nota ainda que, no futuro, prevê um «crescimento em todo o país do cultivo do lúpulo e que em pouco mais de 5 anos as cervejas da Letra vão ser produzidas com lúpulos da região minhota».