REGIÃO –
Ligação de Paredes de Coura à A3 avança a partir de Abril

A muito reivindicada ligação do parque industrial de Formariz, em Paredes de Coura, à auto-estrada A3 já tem uma data para o arranque da construção, a partir de Abril. A obra tem um custo previsto de 9,5 milhões de euros.

Com a publicação esta segunda-feira em Diário da República de um despacho do ministro do Ambiente a declarar o ‘Relevante Interesse Público’ da obra, a Infraestruturas de Portugal (IP) pode requerer a Declaração de Utilidade Pública (DUP) dos terrenos e a consequente notificação dos proprietários de que irá proceder à expropriação dos mesmos.

PUBLICIDADE

Segundo a fonte da IP, “cumpridos esses procedimentos, a previsão de início dos trabalhos de construção daquele acesso aponta para o segundo trimestre deste ano”.

Em causa está a criação de um acesso rodoviário, reclamado há duas décadas por autarcas e empresários, com cerca de 8,8 quilómetros de extensão, para ligar o parque empresarial de Formariz, em Paredes de Coura, à A3 (nó de Sapardos – Vila Nova de Cerveira).

A obra inclui a construção de dois pontões, sobre a Ribeira de Sapardos e sobre a Ribeira de Borzendes, de duas passagens agrícolas, duas passagens inferiores e uma passagem superior para peões.

O investimento de 9,5 milhões de euros, é suportado em 85%   pelo orçamento da IP e os restantes 15% pelo município, que assume ainda os cerca de 800 mil euros para as expropriações.

A empreitada visa a melhoria das condições de acessibilidade, circulação e segurança naquele troço e envolve a execução de quatro novas rotundas para beneficiação das condições de mobilidade na ligação à rede viária local, a construção de oito obras de arte e de uma ponte sobre o Ribeiro das Corredouras.