PAÍS

PAÍS -

Mariana Mortágua questiona em Braga eficácia de “ataques” dos activistas climáticos

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A coordenadora do Bloco de Esquerda disse esta segunda-feira ter “grandes dúvidas” que os ataques com tinta dos activistas climáticos a ministros contribuam para criar um “grande movimento” que leve as questões sobre o clima para o centro do debate público.

À margem de uma sessão sobre habitação em Braga, Mariana Mortágua sublinhou que a “emergência climática existe e é mesmo uma emergência” e que é necessário chamar a atenção “para um assunto tão importante e que vai mexer tanto” com as vidas de todos.

“O mundo precisa de um grande movimento transformador, como aquele que foi há uns anos criado em torno da figura de Greta Thunberg (…). A questão que se coloca é se este tipo de acções contribui ou não contribui para criar esse grande movimento transformador, esse grande movimento social que traz estas questões para o centro do debate público. Eu tenho grandes dúvidas que contribua para este tipo de atitude”, acrescentou.

O ministro das Finanças, Fernando Medina, foi atacado na sexta-feira com tinta verde por uma activista ambiental, durante uma aula aberta no auditório da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Anteriormente, o ministro do Ambiente e Acção Climática, Duarte Cordeiro, tinha sido alvo de uma acção idêntica.

PUBLICIDADE

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.