MOBILIDADE (Vila de Prado):

MOBILIDADE (Vila de Prado): -

Morais pede ajuda ao Governo para encontrar solução para o congestionamento na Rotunda do Canoísta

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

«É urgente resolver o congestionamento na rotunda do Canoísta na Vila de Prado. Esta tem de ser uma prioridade». Este foi o novo pedido feito ao governo pelo líder do PS de  Vila Verde, José Morais, durante a conferência promovida pelos socialistas sobre “Segurança Rodoviária”, na passada sexta-feira.

«Durante estas duas últimas décadas o poder central não fez obras estruturantes no concelho e a câmara não soube reivindicá-las. A câmara ficou acomodada nos seus gabinetes», aponta Morais, em nota enviada à nossa redacção.

PUBLICIDADE

 ACÇÃO DO PS-VILA VERDE

«Como nós não nos conformamos com a apatia da câmara, fomos várias vezes a Lisboa e estivemos em diversos fóruns a  lutar por aquilo a que temos direito, sensibilizando os governantes e os resultados estão à vista de todos», adianta ainda.

José Morais sugere que esta é mais uma entre outras reivindicações que tem levado ao Governo e que “deram frutos”: «A rotunda da Loureira esteve por fazer durante vários anos, está feita; A Variante à  EN101 na sede do concelho que esteve no fundo da gaveta dos sucessivos governos, passou para uma fase onde nunca esteve, ao ser incluída  no Programa Nacional de Investimentos; A requalificação da EN 101 em todo o percurso de Vila Verde (desde Soutelo até Covas) já foi aprovada a obra no valor de 8 Milhões».

ROTUNDA DO CANOÍSTA 

«Apesar de estar reconhecido ao governo pelas decisões já tomadas a favor de Vila Verde, temos mais uma obra para reclamar para a nossa terra:  é prioritária  uma intervenção na rotunda do Canoísta na Vila de Prado. É urgente acabar com o calvário de quem ali passa todos os dias. Leve, por favor, este nosso pedido para lisboa e dê-lhe a atenção necessária porque este é um pedido justo», reclamou o líder concelhio do PS.

Morais lamenta, contudo, que a Câmara de Vila Verde se mantenha «em silêncio e ainda não foi capaz de vir a público reconhecer tão importantes decisões do governo.»

Este foi um dos temas abordado pelo Partido Socialista de Vila Verde no debate conjunto com a Federação de Braga sobre a “Segurança Rodoviária”, que decorreu no auditório da AdereMinho, onde marcou presença o presidente da distrital e deputado Joaquim Barreto, o adjunto do Secretário de Estado da Proteção Civil, Ricardo Fernandes, a candidata ao Parlamento Europeu, Isabel Carvalhais e o Presidente da Junta de Soutelo, Filipe Silva.

ovilaverdense@gmail.com

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS