PROVA DECORRE EM PRADO DE 6 A 9 DE SETEMBRO - Mundial de Canoagem foi apresentado esta tarde na Praia Fluvial do Faial

PROVA DECORRE EM PRADO DE 6 A 9 DE SETEMBRO -
Mundial de Canoagem foi apresentado esta tarde na Praia Fluvial do Faial

A vila de Prado recebe, entre o dia 6 e 9 de Setembro, o Campeonato do Mundo de Maratonas (de 3 a 5 disputa-se o masters de veteranos), onde são esperados mais de mil canoístas de 50 países. A organização da prova, Federação Portuguesa de Canoagem, Município de Vila Verde e CN Prado, apresentaram esta tarde o evento e esperam voltar a repetir o sucesso do Europeu, em 2013, e da Taça do Mundo, em 2016.

«Portugal vai ser, em 2018, a capital da canoagem mundial. A Vila de Prado vais receber um desses momentos altos. Este ano vamos organizar dois dos principais eventos da canoagem mundial. O CN Prado é um dos três grandes da canoagem portuguesa, com muitos títulos nacionais. Tem fornecido muitos atletas à selecção nacional e talvez seja dos clubes com mais atletas nos jogos olímpicos. Uma palavra à população de Prado que é muito aficionada da canoagem e tenho a certeza que vamos ter uma grande moldura humana para puxar pelos nossos atletas», disse Vítor Félix, presidente da FP Canoagem.

António Vilela, presidente da CM Vila Verde, espera que este seja o melhor Campeonato do Mundo de sempre. ««Espero que venha a ser mais uma vez uma das melhores provas de sempre a nível de organização como aconteceu com o Campeonato da Europa, em 2013 e em 2016 com a Taça do Mundo. Nada disto seria possível sem os clubes como o CN Prado e atletas como o José Ramalho que nos cedeu a imagem para promover esta prova. Estou convicto que lhe vou dar os parabéns quando receber aquela medalha que tanto deseja que é o ouro», frisou.

PUBLICIDADE

A apresentação do Mundial de Maratonas decorreu na Praia do Faial e contou com a presença, para além dos Presidentes da FP Canoagem do Município de Vila Verde, do Vereador do Desporto, Patrício Araújo, do Presidente do CN Prado, Horácio Lima e do Presidente da Junta da Vila de Prado, Albano Bastos.

Todos os pormenores na edições imprensa do Desportivo e O Vilaverdende de Agosto.

Albano Bastos, presidente da Junta de Prado

«É uma enorme satisfação receber este evento na nossa freguesia e neste excelente local. A realização deste mundial é a prova que temos boas condições. Vamos saber receber toda a comitiva».

Horácio Lima, presidente CN Prado

«O nosso clube vai colaborar na parte física da organização do campeonato do mundo. Esperamos, no seguimento do que já foi feito em 2013 e em 2016, que tudo corra pelo melhor, já que o CN Prado, em conjunto com a Federação e o Município irá dar o seu melhor para que este evento fique na memória de todos os que cá venham participar».

Patrício Araújo, Vereador do Desporto

«As pessoas vão ficar com uma boa imagem da nossa gastronomia e da hospitalidade dos pradenses. Certamente que serão os maiores embaixadores da Vila de Prado e de Vila Verde. Teremos o impacto de muita gente que virá para assistir, principalmente de espanhóis»

José Ramalho, Campeão Europeu

«Conheço bem o rio, mas não há nada como conhecer bem a prova. Ter uma medalha no campeonato do mundo é sempre importante, nunca foi Campeão do Mundo e vou lutar que seja este ano. Espero que seja em Prado».