ALERTA

ALERTA -

Parecem alimentos inofensivos, mas podem dar falsos positivos em testes de droga

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Alimentos inofensivos podem dar falsos positivos em testes de droga. O alerta é de um programa informativo da BBC, confirmado pelo especialista em farmacologia Atholl Johnston, da Universidade Queen Mary, no Reino Unido.

Os exames toxicológicos no trabalho são cada vez mais frequentes, especialmente no caso de postos que envolvam grande responsabilidade civil. Por isso, a televisão pública britânica, a BBC, fez uma experiência no programa ‘Rip Off Britain’, uma série informativa dedicada à alimentação.

Após três dias a comer pão com sementes de papoila, a apresentadora Angela Rippon foi submetida a um exame para detectar opiáceos no sangue e urina. O teste deu positivo.

O ópio é uma substância extraída a partir da cápsula verde da planta Papaver somniferum, conhecida popularmente como papoila. A planta tem propriedades analgésicas e narcóticas e o seu consumo pode provocar dependência. Do ópio, são extraídos produtos como a morfina, heroína e codeína.

A televisão britânica decidiu fazer a experiência depois de um espectador entrar em contacto com o programa para dar conta da sua história inusitada: tinha sido demitido do trabalho depois de um controlo antidrogas de rotina ter dado positivo para opiáceos.

“Comer pão com sementes de papoila pode dar um resultado positivo num teste de urina que detecta morfina”, confirmou à BBC Atholl Johnston, especialista em farmacologia na Universidade Queen Mary, do Reino Unido.

A quantidade de morfina numa semente de papoila é variável e os testes toxicológicos são muito sensíveis, podendo dar falsos positivos mesmo após o consumo de uma quantidade relativamente pequena de sementes. Por isso, o especialista sugere esperar até três dias depois de comer sementes de papoila para fazer exames toxicológicos.

ovilaverdense@gmail.com

 

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.