IGREJA (Braga)

IGREJA (Braga) -

Peregrinação anual ao Sameiro espera cerca de 200 mil peregrinos

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Peregrinação Arquidiocesana ao Sameiro está agendada para o próximo domingo, dia 2 de junho, e a Confraria prevê que reúna perto de 200 mil peregrinos. Este ano ganha uma projeção ainda mais especial por ser o culminar do 5º Congresso Eucarístico Nacional.

A peregrinação será presidida pelo Legado Pontifício, Cardeal D. José Tolentino Mendonça, Prefeito do Dicastério para a Cultura e a Educação, e a previsão é que reúna cerca de 150 mil peregrinos.

Face às expetativas, poderá acolher entre 100 a 200 mil peregrinos vindos de todas as dioceses do país, obriga a uma logística especial em articulação com as forças de segurança, a Proteção Civil e a Câmara de Braga.

«Esta peregrinação ao Sameiro é habitual, mas, este ano, vai atingir proporções gigantescas porque deixou de ser apenas arquidiocesana e vai ser uma peregrinação nacional», adianta o presidente da confraria, Cónego José Paulo Abreu.

PROGRAMA

Como é habitual, tem saída às 7h, da Sé de Braga. «Antes da saída, haverá a inauguração de uma pequena lápide evocativa deste grande acontecimento. Estamos a falar de um acontecimento a nível nacional, mas também com reflexos na Igreja Universal. Nós vamos ter cá o Legado Pontifício, que é o Cardeal D. Tolentino Mendonça», disse.

A chegada ao Santuário do Sameiro está prevista para as 10h45, para que a Eucaristia, que será transmitida pela TVI, tenha início às 11h. Marcarão presença os bispos praticamente todos de Portugal.

Para os que não integrarem a procissão e quiserem ir à Eucaristia, a solução é optar pelos TUB, uma vez que os transportes privados vão ser proibidos de subir ao Sameiro. Os autocarros vindos das várias dioceses do país subirão pela Falperra.

Até à chegada da procissão ao Sameiro, ninguém vai poder ocupar o espaço que se espraia diante da Cripta. Assim, quem chega antes de procissão terá de ficar junto da Basílica ou distribuído pela avenida, onde vão estar oito ecrãs gigantes para que acompanhem a celebração.

No recinto vão estar três postos de assistência médica devidamente assinalados e ambulâncias, aguadeiros da AGERE, e 30 casas de banho químicas, para além das já existentes no santuário.

Os peregrinos também terão à disposição os parque de merenda para comer no final das cerimónias.

Depois do encerramento do I Congresso Eucarístico em 1924, que reuniu 400 mil pessoas no Sameiro, da visita do Papa S. João Paulo II, que teve 500 mil pessoas, este deverá ser o terceiro maior evento neste Santuário.

PSP e GNR 

A PSP e a GNR vão ter a seu cargo o cumprimento dos condicionamentos no trânsito e a segurança no recinto do Santuário do Sameiro.

Não será permitido o acesso de carros privados pela Falperra. Por esta via apenas vão circular os autocarros dos TUB e os que vierem das diferentes dioceses do país.

Segundo explicou, a via da direita da rampa da Falperra será para os autocarros privados e a da esquerda para os dos TUB, pelo que os carros não vão poder ali circular. Por outro lado, à PSP caberá a área desde a partida da procissão até ao Hotel Meliã.

A partir daí, a gestão será da GNR, a quem caberá também a segurança no Santuário.

TUB com tarifário de um euro e duas linhas com horários especiais

Nesse dia, haverá uma operação específica para transportar fiéis que não queiram ir na procissão, a partir das 7h do dia 2 de junho.

Nesse dia vai estar em vigor a denominada tarifa eventos, em que o bilhete de ida e volta tem o custo de um euro.

Para além disso, a linha que habitualmente liga a Avenida Norton de Matos ao Sameiro, passando pelo centro da cidade, vai ter autocarros a passar com uma frequência de 15 minutos a partir da 7h.

Depois, haverá uma linha especial com partida da Avenida Robert Smith, junto ao Minho Center, até ao Sameiro, a partir das 7h, com autocarros com frequência de dez minutos.

ovilaverdense@gmail.com

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
3€ / mês

* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 36€ / ano.