ECONOMIA –

ECONOMIA – -

Programa “Vila Verde Incentiva +” apoia empreendedorismo e investimento

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

De forma a reforçar o apoio ao desenvolvimento económico do concelho e à dinamização de novos agentes, Vila Verde tem em funcionamento, desde Junho, o Serviço de Apoio ao Empreendedorismo e ao Investimento, “Vila Verde Incentiva +”, vocacionado para apoiar empreendedores e investidores, facilitando o acesso a ferramentas, a conhecimentos e a informações relevantes nesta matéria.

Superar barreiras, facilitar caminhos e encontrar soluções para transformar ideias em negócios é a ambição deste serviço integrado na rede de Antenas, do projecto “UP Cávado”.

PUBLICIDADE

 

Desenvolvido pela CIM Cávado, conjuntamente com a InvestBraga e a Agência de Energia do Cávado e apoiado pelo NORTE 2020 e FEDER, este projecto está a ser concretizado em parceria com os restantes Municípios da CIM do Cávado.

Visa a melhoria global da competitividade empresarial, através da promoção do ecossistema empreendedor do território, dinamizando e reforçando a sua competitividade e capacidade produtiva e dando visibilidade nacional e internacional à região.

Este serviço, que funciona no edifício da Câmara Municipal de Vila Verde, com atendimento especializado preferencial às quartas-feiras, entre as 9h30 e as 12h30, em parceria com a Associação Comercial de Braga, presta apoio personalizado a empreendedores e promotores de negócios em áreas como o desenvolvimento de ideias de negócio, a constituição de empresas, o acesso a incentivos e o acolhimento empresarial.

Em comunicado, o presidente da Câmara, António Vilela, recorda que «o crescimento económico e a criação de emprego são dois dos grandes pilares da estratégia de modernização e desenvolvimento sustentado do território concelhio».

«Através do investimento em infraestruturas e equipamentos estruturantes e fruto de uma política fiscal amiga das famílias e das empresas, o concelho de Vila Verde tem vindo a atrair um número muito significativo de projetos empresariais, tendo sido criadas 585 novas empresas, entre 2013 e 2017, e continua empenhado em apoiar o empreendedorismo e em atrair novos investidores», acentua.

O autarca frisa que «este serviço de apoio ao empreendedorismo e ao investimento é mais um impulso que o Município de Vila Verde e os seus parceiros estão a dar ao desenvolvimento local e regional, criando efectivas condições para que os empreendedores avancem com as suas ideias de negócio e assim acrescentem valor à economia, produzindo riqueza e criando emprego».

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS