PAÍS –

PAÍS – -

Rui Silva quer que Azeredo Lopes e António Costa assumam culpas pelo furto das armas em Tancos

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O deputado do PSD Rui Silva considera «lamentável que os políticos não assumam as suas culpas» no caso do furto de material de guerra nos paióis nacionais de Tancos, apontando responsabilidades ao ex-Ministro da Defesa, Azeredo Lopes, e ao Primeiro-Ministro, António Costa.

No final das audições na comissão de inquérito sobre as consequências e responsabilidades políticas do furto do material militar ocorrido em Tancos​, Rui Silva disse que «é muito fácil imputar culpas às hierarquias e a quem está no terreno, mas os últimos responsáveis são o senhor Ministro e o senhor Primeiro-Ministro».

PUBLICIDADE

Numa intervenção em que acusou Azeredo Lopes de mostrar «arrogância e superioridade moral», além de «memória selectiva», o deputado do PSD afirmou que o ex-governante «teve um ano para tratar do problema de Tancos», depois de ter «sido informado pelo General Rovisco Duarte da situação de degradação dos paióis nacionais».

Rui Silva referiu ainda que, ao longo deste processo, «um conjunto muito alargado de pessoas foi estrategicamente afastado». «Até hoje não houve coragem de referirmos as responsabilidades políticas que houve neste caso», reiterou.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS