CULTURA

CULTURA -

Semana Académica do Instituto Politécnico de Viana pretende «retomar as tradições»

Share on facebook
Share on twitter
Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Semana Académica do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) já tem data marcada para 13 a 19 de Maio, naquela que será a 34.º edição do evento e onde o recinto estará colocado nos jardins do forte de Santiago da Barra.

O evento arranca na Igreja da Senhora da Agonia, com a actuação da Hinoportuna, na habitual serenata com início previsto para as 23h30. Nessa noite, as portas do recinto abrem-se à 1 da manhã e a música fica entrege aos “Supa Squad” e ao DJ Pedro Pereira.

Para sábado, dia 14 de Maio, às 10h00, está prevista a Missa de Finalistas e Bênção das Pastas, numa cerimínia que terá lugar no Santuário de Nossa Senhora da Agonia. Já no recinto, à noite, as atenções estarão focadas nos artistas “Lon3r Johny” e “Karetus”.

PUBLICIDADE

Entretanto, no dia 15, o IPVC organiza o “IPVC Tem Talento”, que conta com a participação de algumas bandas de estudantes e das tunas das várias escolas da academia, sendo que a noite termina com a presença de “Urze”.

Já na segunda-feira, as comemorações mudam de lugar, dado que o palco vai passar para Refójos do Lima, onde está confirmada a presença dos “Kalhambeke”, de Rosinha, e ainda das tunas da “casa”, “TUNESA” e “TESA”.

Na terça-feira, 17 de Maio, IVANDRO é o artista convidado, numa noite que ficará entregue, posteriormente, ao DJ Fábio Vasquez e aos “Put2Grill”.

Naquele que será um dos momentos de destaque da Semana Académica, o cortejo académico promete «inundar de cor e alegria as ruas da cidade», a partir das 14h do dia 18, quarta-feira. No final do dia, a animação continua com “Sippinpurpp”, seguido pela DJ “Zanova” e “C.LÀ.VI.”

O encerramento da Semana Académica ficará a cargo de Quim Barreiros, no dia 19, num último dia que vai também contar com as actuações dos “Insert Coin” e do DJ Fábio Gonçalves.

 

«RETOMAR AS TRADIÇÕES»

Para o presidente da Federação Académica do IPVC, André Neves, depois de dois anos sem evento face à situação pandémica, «a responsabilidade é mais acrescida», por terem que existir «medidas que temos que cumprir», de forma a manter a segurança dentro do recinto.

André Neves enalteceu a adesão dos ex-alunos, realçando que este é o momento de «retomar tradições», afirmando que é «engraçado que temos estudantes que não viveram a Semana Académica e acabaram por tirar este período de férias para viver a sua última Semana Académica».

O presidente da Fedaração deixou ainda o desafio aos estudantes para «participarem e aproveitarem ao máximo com os amigos», pedindo à nova geração que veio do contexto pandémico para «perceber que o IPVC e o Alto Minho têm as suas tradições e é fundamental manter essas tradições e o espírito académico»

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.