EDUCAÇÃO –  Técnica do Agrupamento de Escolas de Prado partilhou experiências em Bruxelas

EDUCAÇÃO –
Técnica do Agrupamento de Escolas de Prado partilhou experiências em Bruxelas

Susana Fernandes, técnica de Serviço Social do Agrupamento de Escolas de Prado, participou, a convite do Instituto Padre António Vieira (IPAV), numa iniciativa que decorreu no Parlamento Europeu, em Bruxelas.

Na sua intervenção, reflectiu sobre a importância de uma “escola” relacional na sua essência, através de uma abordagem participativa e experiencial dos alunos, capaz de os dotar de ferramentas que lhes permitam desenvolver-se enquanto pessoas e cidadãos, minorando assim as suas fragilidades sociais e emocionais.

PUBLICIDADE

A Conferência “Academia de Líderes Ubuntu – uma liderança para construir pontes” surgiu a convite dos eurodeputados Carlos Coelho e Carlos Zorrinho, em consequência da distinção da Academia de Líderes Ubuntu como uma boa prática europeia na intervenção com jovens e de empreendedorismo social, bem como pelo alcance e impacto positivos que este projeto tem alcançado, em Portugal e no Mundo.

Cerca de 30 jovens de vários países (Portugal, Espanha, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Angola, Colômbia, Filipinas, Peru e Venezuela) trocaram experiências de liderança e partilharam projectos comunitários de educação não-formal, inspirados na filosofia/método Ubuntu – “eu sou porque tu és” – que exprime a consciência da relação entre o indivíduo e a comunidade, promovendo o auto-conhecimento, a auto-confiança, a resiliência, a empatia e o serviço.

A sessão foi encerrada pelo Secretário de Estado da Educação, João Costa.

Actualmente, em Portugal, está arrancar o projecto “Escolas Ubuntu”, trabalhando em contexto escolar quer a capacitação dos estudantes, quer a formação de docentes e de educadores.