UMINHO

UMINHO -

Universidade do Minho suspende actividade lectivas presidenciais

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Universidade do Minho (UMinho) suspendeu as actividades lectivas presenciais devendo as mesmas ser integralmente substituídas por actividades não presenciais.

Em relação às avaliações, o reitor, Rui Vieira de Castro, decidiu suspender as actividades de avaliação presenciais em toda a universidade, passando as mesmas a ter lugar a distância, devendo as provas de avaliação em curso, afectadas por esta decisão, ser recalendarizadas, em articulação com os estudantes.

Foi ainda imposta a manutenção em regime presencial, sempre que possível, das actividades de estágio, passando estas a regime não presencial quando aquele não for viável.

PUBLICIDADE

Outra das medidas é a adaptação para regime não presencial das actividades de investigação e não lectivas em curso, excepto em casos fundamentados que exijam o acesso a laboratórios e infra-estruturas científicas e em que a inibição desse acesso implicasse prejuízos irreparáveis.

Para reforçar a obrigatoriedade do teletrabalho, foi igualmente determinado que todos os trabalhadores que tenham se deslocar para prestar trabalho presencial carecem de uma credencial emitida pela respectiva entidade patronal.

A UMinho garante que adopta o regime de teletrabalho, sempre que compatível com as funções desempenhadas pelos trabalhadores.

Legenda: Campus de Azurém, Guimarães

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS