Ponte de Lima vive esta quarta-feira a tradicional Corrida da “Vaca das Cordas”

Ponte de Lima vive esta quarta-feira a tradicional Corrida da “Vaca das Cordas” -

Vaca das Cordas e tapetes floridos antecipam celebrações do “Corpo de Deus”

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Ponte de Lima vive esta quarta-feira a tradicional corrida da “Vaca das Cordas”. Um dos momentos que antecipa as celebrações do “Corpo de Deus” na vila mais antiga de Portugal. Outra das marcas distintivas das celebrações são os belíssimos “tapetes floridos” que preenchem as principais artérias da vila.

Esta secular tradição atrai, ano após ano, à Vila de Ponte de Lima milhares de forasteiros de todos os pontos do país, e até da vizinha Espanha, que invadem o Centro Histórico e o areal do rio Lima. Durante a noite, a animação dos bares é o foco de atenção dos mais novos que se divertem ao som da música, fazendo deste momento um elemento indissociável da tradicional comemoração da Vaca das Cordas.

PUBLICIDADE

TAPETES FLORIDOS

A tradição cumpre-se, ainda, durante a noite com a confeção dos tapetes de flores nas ruas do Centro Histórico de Ponte de Lima. A tradição de ornamentar as ruas para a procissão do Corpo de Deus surgiu no início do século XVIII.

As ruas cobrem-se de tapetes floridos que refletem o empenho e a devoção dos moradores que, movidos pela fé, trabalham incansavelmente toda a noite, enchendo de cor e formosura as ruas que formam o itinerário da procissão. Para dar forma e cor aos desenhos, os moldes são enchidos com serrim, flores e ramos de arbustos, transformando as ruas em verdadeiras obras de arte que deslumbram os olhares dos visitantes.

Na quinta-feira, a partir das 17 horas, realiza-se a Procissão do Corpo de Deus.

ovilaverdense@gmail.com

Fotos: arquivo

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS