Bruno Almeida, autor em O Vilaverdense

FOGACHOS DE AFETOS

Aos olhos daquela criança que a vida teima em privar de afetos, na mente daquele sem abrigo que o destino fintou irremediavelmente, no pensamento daqueles Pais que, entre o barulho ensurdecedor das pingas que caiem no soalho, olham a mesa de novo despida de alimento, eis que regressa a duvida, o medo, comum a ambos, … Ler maisFOGACHOS DE AFETOS