ECONOMIA

ECONOMIA -

BCE sobe taxas de juro em 75 pontos base, o maior aumento de sempre

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O Banco Central Europeu (BCE) decidiu fazer subir as taxas de juro esta quinta-feira em 75 pontos base as suas três taxas de juro diretoras.

Esta é segunda vez consecutiva que o supervisor da banca europeia decide aumentar as taxas de juro e este é, também, o maior aumento de sempre. Esta subida tem efeitos a partir de 14 de Setembro.

Com este aumento, a taxa de juro das principais operações de refinanciamento dos bancos europeus passa de 0,50% para 1,25%. Já a taxa aplicável à facilidade permanente de cedência de liquidez sobe de 0,75% para 1,50% e a taxa aplicada à facilidade permanente de depósito, que seguia nos 0%, fixa-se em 0,75%.

PUBLICIDADE

Em comunicado, o supervisor liderado por Christine Lagarde considera este um “passo importante”, visto que “antecipa a transição do nível extremamente acomodatício prevalente das taxas de juro diretoras para níveis que vão permitir um regresso atempado da inflação ao objetivo de 2% no médio prazo”, segundo o “estabelecido pelo BCE”.

“Com base na avaliação atual, o BCE espera aumentar ainda mais as taxas de juro, nas próximas reuniões, para atenuar a procura e prevenir o risco de uma subida persistente das expectativas de inflação”, acrescenta. Cada aumento será ponderado reunião a reunião, tendo em conta a incerteza que ainda permanece em torno da evolução da inflação na zona euro.

De acordo com o organismo com sede em Frankfurt, “a inflação continua muito alta e provavelmente permanecerá acima da meta por um período prolongado”.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.