JUSTIÇA

JUSTIÇA -

Covid-19. Cinco detidos em operação a clínicas suspeitas de fraude

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Polícia Judiciária (PJ), em estreita colaboração com o Ministério da Saúde e a Ordem dos Médicos, está a realizar uma operação policial de “buscas e apreensões em clínicas médicas, domicílios e sedes de empresas”.

Até ao momento, já foram detidos cinco suspeitos – dois homens, de 35 e 57 anos, e três mulheres, de 32, 59 e 62, – “todos profissionais com ligação ao ramo da saúde”, pelos crimes de corrupção activa e passiva, burla qualificada, falsificação de documento e propagação de doença, designadamente, da covid-19.

PUBLICIDADE

Em causa está “um esquema fraudulento de prestação de tratamentos não comparticipados, mormente, pelo Instituto de Protecção e Assistência na Doença, I.P. (ADSE, I.P.)”, anunciou, esta quinta-feira a força policial.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.