EDIÇÃO IMPRESSA

EDIÇÃO IMPRESSA -

Do carvão à caneta, preto no branco. Os diferentes rostos que não passam indiferentes ao olhar de Diogo Morais

Share on facebook
Share on twitter
Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Os rostos são todos diferentes mas não indiferentes ao olhar de Diogo Morais. O vilaverdense, de apenas 21 anos, tem no olhar e nas mãos o dom de reproduzir rostos e expressões que fazem até duvidar se não se tratará de uma fotografia a preto e branco. Seja a caneta ou a carvão, de bloco em punho e auscultadores nos ouvidos, a imaginação e a técnica perdem-se em horas de puro prazer pelo desenho, um «escape do Mundo» que se torna mais real através do seu traço.

Mais desenvolvimentos na edição impressa de Junho de 2021, nas bancas.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.