CULTURA

CULTURA -

Exposição “O Amor Mata” inaugurada esta sexta-feira na Casa dos Crivos

Share on facebook
Share on twitter
Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Decorre esta sexta-feira, 23 de Julho, a inauguração da exposição “O Amor Mata”, de João Vilhena, na Galeria Municipal Casa dos Crivos. A mostra aborda a temática da violência doméstica, área sobre a qual o artista tem vindo a dedicar-se e sobre a qual foi construindo um arquivo de referenciais e de ícones que estão, agora, materializados nesta exposição: dípticos com fotografias de objectos usados pelos agressores e de cruzes de pedra que representam, de forma sublime, esta que é uma violação dos Direitos Humanos.

«As imagens a preto e branco, de pequeno formato, convocam o espectador a um olhar atento, crítico e reflectivo sobre a sociedade em que está inserido. Além destes dípticos, com nomes de mulheres, a exposição “O Amor Mata” inclui uma instalação imagética, sonora e com texto literário de João Francisco Vilhena em torno do coração como símbolo do Amor, numa representação abstracta da Mulher e, no fundo, de todos nós», pode ler-se em nota publicada nas redes sociais do Município.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.