VILA VERDE

VILA VERDE -

Falta de água. José Morais critica «gestão errática» e pede acção à autarquia

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

O vereador do PS José Morais considera que os problemas de falta de água que se têm sentido no concelho de Vila Verde são «o triste resultado da falta de planeamento ao longo de 24 anos de gestão errática da autarquia».

«Infelizmente, no concelho de Vila Verde, a água continua a faltar nas torneiras. Os dias e semanas vão passando e não se vê uma solução à vista. E ao contrário do que a Câmara diz, isto não acontece apenas este ano. Estamos perante um problema estrutural, que surge ano após ano», refere.

PUBLICIDADE

Num comunicado divulgado esta segunda-feira, o vereador socialista pede acção à Câmara Municipal, que acusa de «não ter medidas» para resolver o problema.

«Nesta reunião de Câmara, manifestamos a nossa total disponibilidade para aprovar imediatamente medidas urgentes que visassem a reposição deste serviço essencial a todos os vilaverdenses. Infelizmente, não há medidas», aponta.

Para José Morais, em Vila Verde, esta é «uma situação inadmissível».

«Como já disse noutra altura, não estamos no Alentejo profundo. Estamos num concelho, onde a água é um recurso abundante. O problema reside apenas na insuficiência de infra-estruturas de captação e de distribuição», frisa.

No texto, o vereador do PS deixa uma questão:  «Por que razão é que o abastecimento de água não foi resolvido em 24 anos de gestão autárquica?».

«Sim, caras e caros vilaverdenses, são seis mandatos seguidos,  24 anos, quase 1/4 de século, que o mesmo partido  governa os destinos do nosso concelho e a água, um bem essencial, ainda não chega à casa de muitos dos nossos concidadãos», remata.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS