PAÍS

PAÍS -

GNR deteve mais de 200 pessoas por condução sob o efeito de álcool

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Durante o período de 24 a 30 de Junho, a Guarda Nacional Republicana (GNR) levou a cabo um conjunto de operações de combate à criminalidade e à sinistralidade rodoviária, que culminaram também na fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional.

Assim, nesse sentido, esta força policial informa que deteve 483 suspeitos em flagrante delito, sendo que 235 se deveram à condução sob o efeito de álcool e 112 por condução sem habilitação legal.

Para além disso, a  GNR deteve 44 suspeitos de tráfico de droga, 17 por posse ilegal de armas, nove por roubo e ainda dois por incêndio florestal.

PUBLICIDADE

No capítulo das apreensões, foram confiscadas pela Guarda 1 059,87 doses de haxixe, 187,85 doses de cocaína e 131 selos de LSD. Mais ainda, a GNR confiscou 16 armas brancas, 16 veículos e 35 quilos de metais não preciosos.

Já na vertente do trânsito, foram registadas 7 297 infracções, sendo que 1 518 se deveram ao excesso de velocidade, 671 por falta de inspeção periódica obrigatória e 416 por uso incorreto de cinto de segurança ou sistema de retenção para crianças.

Ainda no âmbito da sinistralidade rodoviária, a GNR detectou 268 anomalias relacionadas com os sistemas de iluminação e registou 258 infracções por falta de seguro de responsabilidade civil.

Por fim, a força policial informa que foram verificadas 252 irregularidades por uso indevido do telemóvel na condução, 257 relacionadas com tacógrafos e dá nota também de 88 infracções por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS

Acesso exclusivo por
um preço único

Assine por apenas
2€ / mês
* Acesso a notícias premium e jornal digital por apenas 24€ / ano.