EDUCAÇÃO - UMinho prepara alunos com dia de simulação clínica

EDUCAÇÃO -
UMinho prepara alunos com dia de simulação clínica

“Como é que o enfermeiro e o médico devem reagir perante um doente com paragem cardíaca, com um corte profundo ou com demasiado açúcar no sangue?” Para ajudar a responder a casos destes, a Universidade do Minho abriu, hoje, quarta-feira as portas para alunos e público em geral experimentarem equipamentos de simulação, modelos anatómicos e mesas digitais. A iniciativa, designada “Sim Day”, decorre ao longo do dia no átrio do Complexo Pedagógico II, no campus de Gualtar, em Braga.

A organização é da Escola Superior (ESE) de Enfermagem e da Escola de Medicina da UMinho (EMUM), com apoio da indústria. O objetivo é preparar melhor os futuros profissionais de saúde para tomadas de decisão mais corretas e rápidas, além de tratar problemas clínicos cada vez mais específicos, numa sociedade igualmente complexa e exigente. No entanto, o evento procura também alargar-se a áreas como a educação, a psicologia, a informática e as engenharias.

CONFERÊNCIAS

PUBLICIDADE

O “Sim Day” inclui ainda vários discursos e palestras no auditório B1 do mesmo edifício. Às 14h15 intervieram o pró-reitor da UMinho para Assuntos Estudantis e Inovação Pedagógica, Manuel João Costa, as presidentes do Conselho Pedagógico da ESE e da EMUM, respetivamente Goreti Mendes e Joana Palha, e o representante da Sociedade Portuguesa de Simulação, João Cerqueira. Seguem-se as conferências de Rui Batista, da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, e de Sara Gomes, da EMUM, bem como de Domingos Correia Oliveira, da Escola Superior de Saúde de Vaud, na Suíça, que vai falar de videojogos educativos sobre situações de resgate de emergência. Às 16h45 realiza-se o simpósio “Body interact”, sendo o encerramento pelas 17h30. A entrada é livre.