VILA VERDE -

VILA VERDE - -

Escola Secundária promoveu seminário para «partilha de experiências» sobre projectos Erasmus+

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

Share on facebook
Share on twitter

TÓPICOS

A Escola Secundária de Vila Verde promoveu, esta sexta-feira, 11 de Outubro, o seminário “Erasmus+: Uma Bandeira da Escola”. A iniciativa, que teve lugar no auditório da Casa do Conhecimento de Vila Verde, teve como objectivo a divulgação dos Projectos Erasmus+ que a Escola Secundária desenvolve.

«NÃO PERTENCEM A VILA VERDE OU PORTUGAL, MAS AO MUNDO»

Durante a sessão de abertura, o Director da Escola Secundária de Vila Verde, João Graça, destacou a «importância do envolvimento da escola nestes projectos», pois estes «potenciam a forma de desenvolver e de se adaptar de quem neles participa».

PUBLICIDADE

«Conseguimos resultados de excelência e não ficamos aquém dos outros países da Europa», disse, apelando ainda à «coragem em abraçar este género de situações. «Não têm de ter medo. Não pertencem a Vila Verde ou Portugal, mas ao mundo. É essencial espalhar a ideia do Erasmus por todos», atirou.

O Director da Escola Secundária falou ainda sobre três diferentes projectos já concluídos, assentes na formação de professores, intercâmbio de escolas e formação em contexto de trabalho (para os alunos dos cursos profissionais), projectos esses que totalizaram para a escola cerca de 120.000 euros. Estão ainda dois projectos em curso, um vocacionado para a formação em contexto de trabalho (destinado a alunos), cujo valor implicado é de 189.000 euros e outro de empreendedorismo, orçado em cerca de 20.000 euros.

REFORÇAR O ESPÍRITO DE UMA ESCOLA ABERTA E DINÂMICA»

Também o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Vila Verde, Manuel Lopes, enalteceu a necessidade de «reforçar o espírito de uma escola aberta e dinâmica», observando-se «a europa e o mundo como uma casa. Estamos perante um mundo que nos pede desafios», referiu.

«A RIQUEZA DA HUMANIDADE ESTÁ NA DIVERSIDADE»

Já o Director da Casa do Conhecimento de Vila Verde, Ismael Graça, abordou «a influência e importância das tecnologias no mundo de hoje, como um elemento de união entre as pessoas».

«O curso e o emprego para a vida acabaram. Temos de estar sempre a viver e a conhecer Culturas Países e Línguas e estas são oportunidades que devem ser aproveitadas. A riqueza da humanidade está na diversidade, no facto de sermos todos diferentes».

PARTILHA DE EXPERIÊNCIAS COM EX-ALUNOS E PROFESSORES

De seguida tiveram início algumas comunicações por parte de diversos participantes e integrantes do programa Erasmus+, ex-alunos e professores, que para além de terem partilhado episódios e experiências pelas quais passaram, apresentaram os resultados de alguns desses projectos, entre eles, Erasmus+ KA101 da ESVV: “Europe Calling”; Erasmus+ KA102 da ESVV: “On the Way to the European Market”; Erasmus+ KA219 da ESVV: “A Cidadania Europeia através do ensino bilingue e as Novas Tecnologias”; Erasmus+ KA229 da ESVV: “Keep Calm and Be Green”.

Share on facebook
Partilhe este artigo no Facebook
Share on twitter
Twitter
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS