Salvador Sousa – O Vilaverdense

OPINIÃO –
A indisciplina e a falta de regras são fatores destruidores da educação (2)

 Vou continuar a escrever sobre este assunto, pois é altura de reagirmos perante tanta falta de respeito que há nas nossas escolas, tanta falta de interesse pelo estudo, tanta falta de interesse pelas regras estabelecidas, tanta falta de iniciativas, nesta matéria, dos nossos governantes, dos responsáveis pela política da educação, enfim, um enorme problema que … Ler maisOPINIÃO –
A indisciplina e a falta de regras são fatores destruidores da educação (2)

OPINIÃO -
A indisciplina e a falta de regras são fatores destruidores da educação

Sou professor aposentado, mas continuo muito atento a tudo aquilo que acontece nas nossas escolas ao longo do país, pois transtorna-me e fico muito entristecido quando algo de menos correto, na minha opinião, se passa nestes ambientes educativos e que é preciso pôr um ponto final para que não percamos o que de bom ainda … Ler maisOPINIÃO –
A indisciplina e a falta de regras são fatores destruidores da educação

OPINIÃO –
Fátima, sempre foi, já é e será sempre mais (20) – Nossa Senhora no coração dos literatos

As correntes do racionalismo e do iluminismo foram bastante demolidoras para a doutrina da Igreja, embora a maioria dos pensadores manteve-se fiel a Deus e a Santa Maria de Portugal e nem a doutrina das invasões francesas conseguiu apagar o seu nome. Descartes (1596-1650), por exemplo, um dos primeiros racionalistas famosos da Idade Moderna, com … Ler maisOPINIÃO –
Fátima, sempre foi, já é e será sempre mais (20) – Nossa Senhora no coração dos literatos

OPINIÃO –
Fátima, sempre foi, já é e será sempre mais (19)

Autor: Salvador de Sousa O Padre António Vieira (1608-1697), jesuíta, admirável prosador e ilustre orador religioso, defensor de causas nobres, de espírito combativo, criticando a escravatura, os exageros da Inquisição, mormente em relação à defesa dos judeus, não temendo o discurso arriscado da época, sendo, por isso, condenado pelo Tribunal do Santo Ofício, mas, mais … Ler maisOPINIÃO –
Fátima, sempre foi, já é e será sempre mais (19)

Fátima, sempre foi, já é e será sempre mais (18) Nossa Senhora no coração dos literatos

Francisco Rodrigues Lobo (1580-1622), chamado “Cantor do Lis”, autor regionalista, considerado o iniciador do Barroco na Literatura Portuguesa, nascido em Leiria, onde a poucos quilómetros, em Fátima, uns séculos mais tarde, apareceu Nossa Senhora aos três Pastorinhos repleta de luz, revelou, em alguns dos seus textos, a sua devoção à Virgem Maria… Vou, apenas, transcrever … Ler maisFátima, sempre foi, já é e será sempre mais (18) Nossa Senhora no coração dos literatos

Subscrição ao jornal - Papel
 
NIB: XXXX XXXX XXXXXXXXXXX XX
IBAN: XXXX XXXX XXXX XXXXXXXXXXX XX
SWIFT/BIC: XXXXXXXX

close-link